top of page

Participação da Irriganor no XXIV Simpósio Brasileiro de Recursos Hídricos


O XXIV Simpósio Brasileiro de Recursos Hídricos foi realizado do dia 21 a 26 de novembro de 2021, na cidade de Belo Horizonte/MG, reunindo sociedade, profissionais, estudantes, representantes de órgãos públicos e privados, pesquisadores e profissionais de setores usuários com o objetivo de compartilhar e discutir assuntos relevantes da área.


Promovido pela Associação Brasileira de Recursos Hídricos - ABRhidro, com apoio do Governo de Minas Gerais e entidades parceiras, o evento teve como tema “Água em Pauta: Múltiplas Dimensões” trazendo para o debate as inovações em monitoramento e gestão de dados, além de vários painéis simultâneos abordando desde planejamento e gestão, processos hidráulicos, hidrologia urbana, até proteção de mananciais, recuperação ambiental de bacias e agricultura irrigada.


Os produtores rurais e irrigantes do noroeste mineiro foram representados pela presidente da Irriganor, Sra. Rowena Betina Petroll, nos dias 22 e 23, cuja participação se deu, especialmente, nos painéis referentes à agricultura irrigada, sendo no primeiro dia como ouvinte e no segundo como palestrante no seminário “Apresentação sobre ZAP e Projetos de Revitalização de Sub-Bacias Hidrográficas, com Destaque para o Conceitual Juramento e para a Revitalização do RSF” que foi de extrema importância para Rowena apresentar os casos de sucesso do Ribeirão das Almas, do Entre Ribeiros e do Santa Isabel, colocando em exposição as ações já realizadas, neste último, através da verba concedida pela Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba - Codevasf, como por exemplo a construção de 900 barraginhas e 140 km de curva de nível, ressaltando que atualmente há uma previsão de contribuição no valor de 7 milhões de reais por parte do Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio São Francisco para ser aplicado na construção de 93 km de estradas ecológicas, medidas estas que visam aumentar a infiltração de água na bacia e diminuir riscos de enchentes.


Com a presença do Sr. Marcelo da Fonseca, diretor geral do Instituto Mineiro de Gestão das Águas (Igam), surgiu a oportunidade de reforçar a cobrança sobre a alteração na legislação ambiental acerca do uso de água em barramentos, uma vez que é através deste órgão que há reformulação no processo de concessão das outorgas, remodelagem do gerenciamento dos recursos hídricos no âmbito dos comitês de bacia e fortalecimento da previsão de eventos críticos.


Diante tal cenário a Irriganor teve seu trabalho reconhecido e elogiado pelo ex Ministro da Agricultura, Sr. Alysson Paulinelli, pelas ações e projetos que vem desenvolvendo. Assim, o simpósio viabilizou o reencontro de influências do Agro de todo o Brasil, enfatizando problemas e soluções para abastecimento de cidades, indústrias, irrigação, entre outros assuntos que ampliaram as discussões acerca do conteúdo hídrico, através de uma programação rica em palestras e debates com lideranças de cada setor.






Por:

Rowena Betina Petroll

Zootecnista; Professora ( PUC-RS)

Diretora Administrativo da Agropel

Agropecuária Petroll


15 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page